Blog 'never forget me.' no Facebook. Clica aqui.

8.7.11


19º Parte (último parte.)

Deitei-me na cama enquanto a música me deixava um pouco inquietada. Não conseguia parar de pensar no João por isso decidi mandar-lhe outra mensagem.

R: Amor, estou preocupada. Quando poderes diz-me alguma coisa, João! Amanhã vens à minha festa de anos? Ainda não sei onde vou fazer, mas estava a pensar na tua casa da praia. Vou agora mesmo ligar aos teus pais para falar com eles e depois digo-te alguma coisa sobre isso. Até logo, amo-te.

Finalmente o João me responde e acaba com o meu sofrimento e a minha preocupação.

J: Amor, desculpa não dizer nada mais cedo mas estava sem bateria. Não sonhas o que aconteceu. Daqui a 5 minutos estou à porta de tua casa. Vens cá fora para falarmos? Também te amo, até já.
R: Sim, claro amor. Até já.

Fui ligar aos pais do João e eles disseram que não havia problema em fazer a festa na casa da praia, agradeci e desliguei. Fiquei preocupada com o João. Será que o avô tinha piorado? Será que se passava algo de mau com o João? Estava com mil e uma perguntas na minha cabeça até que o João chegou. Desci as escadas a correr e fui ter com ele. Estava a chorar, abracei-o e ele apenas disse 5 palavras.

J: O meu avô morreu, Rita.

Abracei-o e estive a tentar dizer palavra confortantes. Nunca o tinha visto tão abalado.

J: Amor vou-me embora, preciso de descansar amor. Amanhã vou ter contigo e ajudo-te a preparar a festa. Amo-te, Rita.
R: Está bem amor, até amanha. Descansa, aparece quando quiseres. Amo-te, João.

Fui para casa, deitei-me na cama e tinha uma mensagem da Sofia.

S: Amor, amanhã vou ter contigo para prepararmos a festa está bem? Amo-te melhor amiga.
R: Oh amor, não era preciso. Obrigada! Até amanha, Soffs. Amo-te muito, bf.
S: Ora essa amor, é um dia especial quero estar o máximo contigo. Até amanha.

Acabei por adormecer ao som da música. No dia seguinte, a minha mãe acordou-me com as mãos cheias de sacos, supus logo que fossem as minhas prendas.

M: Bom dia meu anjo. Muitos parabéns, toma as tuas prendas. O teu pai já aí vem, está só a acabar de tomar o pequeno-almoço.
R: Bom dia mãe. Não era preciso tanta coisa, muito obrigada e desculpa lá aquilo do outro dia. Está bem, eu espero por ele.
M: Deixa para lá querida. Depois diz-me se gostaste filha, arranja-te, a Sofia ligou a dizer que daqui a 10 minutos vinha ter contigo.
R: Ok, vou tomar banho e arranjar-me e já venho abrir as prendas.

Tomei banho e arranjei-me em 5 minutos. Fui abrir as prendas e adorei o que os meus pais me ofereceram! Passado poucos minutos chegou a Sofia com dois sacos um em cada mão. Num saco trazia a minha prenda, uma camisola linda, e no outro comida que a mãe dela fez para a minha festa.

R: Oh amor não era preciso trazeres nada!
S: Não sejas tola, vamos?
R: Sim, claro, vou só avisar a minha mãe.

Avisei os meus pais e saímos. Quando chegámos à casa da praia, o João já estava sentado nas escadas que davam à porta. Pedi à Sofia para entrar e fui sentar-me com o João. Estava tão em baixo. Tentei o animar mas nada parecia resultar até que ele pega-me na mão, levanta-se e leva-me para dentro. Arranjámos tudo e começaram a chegar os convidados minutos depois. Foi a minha melhor festa, estavam todos divertidos mesmo a família do João. O João, a mãe e o pai foram dos primeiros a ir pois queriam ir ao funeral do avô/pai/sogro. Quis ir com eles mas o João pediu-me para ficar e me divertir, o que era impossível pois o meu namorado estava a atravessar uma das piores fases da sua vida.
Quando voltou, já tínhamos arrumado tudo na casa da praia e a Sofia já tinha ido embora. Telefonei à minha mãe e à mãe do João a avisar que íamos passar a noite ali.

R: Amor, já falei com os nossos pais para avisar que íamos passar a noite aqui e eles não se importaram.
J: Está bem. Podemo-nos ir deitar amor?
R: Claro, amor.
J: Obrigada por seres a melhor namorado do mundo. Amo-te Rita.
R: Sabes bem que não tens nada que agradecer. Independentemente de tudo o que passamos daqui para a frente eu irei te amar sempre.

Adormecemos os dois, juntos.

FIM. 

7 comentários:

carolina. disse...

************.************

carolina. disse...

ahahaha. :p
e eu a ti, não tens de agradecer. <3

• Cɢ disse...

ainda bem que gostaste princ!

carolina. disse...

não começo com quê amor? :o

sofiarc disse...

acabou? :o
quero mais, oh!
amei *.*
te amo, q. ♥

carolina. disse...

diz amor. :s

carolina. disse...

e eu a tiiiiiiiiiiiiiiiiiii. *.*